Primeira fazenda operada por robôs será inaugurada em 2017

Primeira fazenda operada por robôs será inaugurada em 2017

 

As fazendas como nós conhecemos poderão em breve ser uma coisa do passado. Uma empresa japonesa tem planos para construir a primeira fazenda do mundo operada exclusivamente por robôs industriais. As operações começarão em meados de 2017.

Essa ideia inovadora advém da empresa japonesa de produção de alface, Spread. Ela está buscando criar fazendas que serão executadas inteiramente por robôs. A empresa possui como ideologia a busca de métodos agrícolas sustentáveis e de inovação, por isso não é nenhuma surpresa que eles procurem revolucionar a indústria agrícola ainda mais.

alface-industrial-interna2

7248e9a0-6dd9-11e5-8eac-bf46911030eb_led

A companhia desenvolveu uma tecnologia que produz hortaliças, que não são influenciadas pelo clima, e pode ser desenvolvida em qualquer lugar do mundo. Essa inovação recebeu o título de “Fábrica de Plantas”. A fábrica atualmente produz 21 mil “pés” de alface por dia e com a nova fazenda robótica, no entanto, a empresa afirma que serão capazes de produzir 30 mil “pés” de alface com o apertar de apenas um botão.

robo2

Esse novo método se destaca principalmente por trazer três aspectos inovadores da agricultura sustentável, que é “a capacidade de produzir alimentos seguros de uma forma estável, a capacidade de proteger os lucros estáveis como um negócio, e para a preservação dos recursos globais e do meio ambiente”. Em síntese, isso se traduz em três pilares da sustentabilidade: social, econômica e ambiental.

A empresa ainda está trabalhando em uma máquina que será capaz de executar o processo de semeadura.

Com esse novo projeto, não será necessário a utilização de mão-de-obra, não é mesmo? Aí que você se engana! Os japoneses ressaltam que os olhos humanos serão necessários para confirmar a germinação e acompanhar o restante do processo para que seja bem sucedido e sem falhas. Spread também espera que, com a diminuição do trabalho, eles poderão reduzir também os custos da produção.

robo3


O que você acha?